fbpx

Deixe um comentário:

Organização Financeira para Empreendedoras

Copy of Unnamed Design
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest

Este é o primeiro post da série Organização Financeira para Mulheres Empreendedoras. Você vai poder acompanhar tudo aqui pelo blog e nas redes sociais da Vai Dar Tudo Certo!

Esta série foi feita em parceria com a consultora financeira Mariá e neste primeiro post vamos falar sobre a nossa relação com o dinheiro.

Você já parou para pensar o que o dinheiro representa para você?

De forma geral, quando pensamos me melhorar a nossa vida, desejos como mais tempo, mais dinheiro e mais saúde costumam vir à mente. Mas o que dinheiro significa de verdade para você?

Gostamos de pensar que ele nada mais é do que uma ferramenta, uma forma de conseguirmos criar e manter uma vida saudável e prazerosa. Sendo assim, a maneira como usamos o dinheiro é o que realmente importa.

Procure reservar uns minutos para pensar na pergunta acima.

Quais pensamentos vieram a sua cabeça? Algo do tipo:

  • Eu não sou boa com dinheiro.
  • Eu não sei me organizar financeiramente.
  • Eu não gosto nem de pensar em dinheiro.

Pensamentos desse tipo nos impedem de olhar de forma responsável para o dinheiro e criam barreiras para uma vida financeira saudável. Ou seja, pensamentos assim só atrapalham! Preste atenção no que você está pensando e falando sobre dinheiro.

E quando pensamos em empreender dinheiro é uma das peça-chave para a viabilidade do sucesso do negócio. Por isso a necessidade de se cultivar uma relação mais saudável com ele.

Algo que podemos fazer para que o dinheiro deixe de ser um peso ou um problema é analisarmos o que estamos fazendo com ele agora. Quer dizer,

O que nossas escolhas financeiras representam?

Você tem a consciência de que a cada escolha que faz, abre mão de alguma outra coisa? Por exemplo, ao compara algo que não precisava, só porque estava na promoção, você abre mão de fazer qualquer outra coisa com aquele dinheiro.

Temos aí o conceito de custo de oportunidade.

Uma ótima ideia agora é ver o seu extrato, da conta e do cartão, e refletir sobre as suas escolhas de consumo. A ideia não é ficar se julgando ou se colocando para baixo. O objetivo é ter consciência para daqui para frente, na medida do possível, avaliar os custos de oportunidade.

Se você tiver medo de olhar para o dinheiro e se relacionar com ele ficará mais difícil melhorar a situação. Também não é interessante olhar para ele só quando tiver uma situação complicada.

Aproxime-se da sua vida financeira. Seja amiga da sua conta bancária e acompanhe os movimentos mensais. Quanto mais atenção você der ao seu dinheiro, melhor será a sua relação financeira e mais fácil será economizar e investir.

Não existe certo ou errado, nem estamos falando que você deve abrir a sua vida financeira para outras pessoas. Estamos propondo uma reflexão.

Então, com base em tudo que você leu até aqui, qual atitude importante você tomará de daqui para frente?

Se quiser conversar ou enviar suas sugestões, estamos aqui para ajudar. Envie mensagens, e-mails, tire dúvidas e comece agora a criar uma vida financeira saudável para você.

Juliana Santana.

Juliana Santana.

Coach, Escritora e Criadora da marca Vai Dar Tudo Certo.

Compartilhe com seus amigos!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos com prioridade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

I Love Mondays

Você quer começar a semana motivada e com ideias práticas do que fazer para ter a vida dos seus sonhos? Inscreva-se para receber o I love Mondays nosso áudio de toda segunda-feira.